ITAPITANGA: PREFEITURA INVESTIRÁ R$ 468 MIL REAIS EM ATRAÇÕES PARA O SÃO JOÃO

A Prefeitura de Itapitanga já definiu quanto irá investir nas atrações musicais para animar os três dias de festa do São João de 2017 e o São Pedro no Distrito de Cafundó. Foi publicado no Diário Oficial do Município(Aqui), a Ratificação do Processo de Inexigibilidade, onde a proposta mais vantajosa para a prefeitura foi a da empresa A J DE JESUS NEVES DE ITAMARAJU – ME, do empresário Aroldo Neves, que foi contratada oferecendo a grade de artistas e bandas pelo valor total de R$ 468 mil reais. As duas maiores atrações dessa grade dos festejos juninos são: Edgar Mão Branco e Netinho do Forró. Com a definição da contratação, o empresário Aroldo Neves publicou  no último dia 07 de maio no seu face, a grade atrações para o São João 2017 de Itapitanga.
Vale lembrar que nesses custos não estão as despesas com palco, estrutura, iluminação e sonorização, que será licitado nesta sexta-feira, dia 11, para saber qual a empresa que irá locar essa estrutura, conforme Aviso de Pregão Presencial n. 23, publicado no Diário Oficial do Município(Veja Aqui). Estima-se que o valor total que a prefeitura irá gastar com os festejos juninos esse ano, poderá ultrapassar os R$ 600 mil reais. Essa é a quarta vez que a empresa de Aroldo Neves fará o São João de Itapitanga, o último ano foi em 2012(Relembre Aqui)
A inexigibilidade de licitação é a hipótese em que a competição é inviável, ou seja, impossível de ser realizada. A inviabilidade de licitação pode se dar, fundamentalmente, por por algumas razões: a) por ausência de outros competidores (fornecedor exclusivo); b) por impossibilidade de comparação objetiva de propostas (ex.: contratação de profissional do setor artístico); c) por absoluta impertinência da licitação (contratação de serviços por credenciamento).
Fonte: blogdojoelfernando

Deixe seu Comentários aqui na nossa Fan Page Facebook